Conselheiros tutelares eleitos encerram capacitao terica

Os candidatos eleitos no pleito de Conselho Tutelar mandato 2020 a 2023 encerraram nesta sexta-feira, dia 06 de dezembro de 2019, a capacitação teórica, ministrado na UERJ, acerca das normas do Estatuto da Criança e do Adolescente. Ao logo da semana, foram realizadas palestras com profissionais de várias áreas, com objetivo de oferecer uma capacitação mais abrangente possível.

- Demos continuidade ao processo e garantimos que o curso fosse proferido de forma integral e tocasse nas principais noções que os conselheiros tutelares precisam ter para poder atuar. Também conseguimos articular com a UFRJ para que fosse oferecido almoço aos Conselheiros Tutelares e isso também foi um aspecto positivo – avalia Luana Silveira, conselheira de direito e integrante da Comissão Eleitoral.

No último dia de capacitação teve palestra com os seguintes temas: Políticas Públicas para Crianças e Adolescentes, Atendimento à Criança e ao Adolescente em Situação de Rua, Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e Fluxo de Atendimento no município do RJ, além do SINASE - Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo e a Implementação do Serviço no Município do Rio de Janeiro.

A conselheira tutelar eleita como suplente pelo CT da Barra, Helena Bendoraytes, fez uma avaliação sobre o que foi ensinado.

- O curso tem módulos significativos para quem está entrando e acho que o que foi ministrado nas palestras será de grande importância no nosso dia a dia. Como sugestão, creio que a carga horária poderia ser revista, pois da forma como ficou, foi um pouco cansativo  – explicou.

Parte prática

No período compreendido entre 10 a 13 de dezembro de 2019 – das 8h às 17h (conforme cronograma de execução publicado no site do CMDCA).

Atenção: A capacitação in loco ou “Laboratório de Prática” terá atuação na CASS, no Conselho Tutelar para o qual o (a) candidato (a) foi eleito/a e na sede do Ministério Público (MPRJ) do respectivo território.

A participação integral dos candidatos eleitos (titulares e suplentes) no concurso teórico e prático é obrigatória.

Mais informações sobre as eleições estão disponíveis no Diário Oficial da União (D.O.M.) e no site do CMDCA-Rio www.cmdcario.com.br